Começou a temporada da tainha em Santa Catarina


Publicado por hagah em 18/05/2010

Elas têm em média 30 centímetros de comprimento, mas podem chegar a um metro, em alguns casos, pesando até 8kg. Quando a temperatura começa a baixar, as tainhas saem da Lagoa dos Patos, no Rio Grade do Sul, e sobem com as correntes atlânticas, rumo ao norte. A intenção é se reproduzir, entre julho e novembro.

Neste ano, a pesca da tainha está liberada desde 15 de maio. Na Ilha de Santa Catarina, em Florianópolis, bem como em Palhoça, São Francisco do Sul e outras cidades ao norte e ao sul da Capital, olheiros e embarcados tomam seus postos para a temporada. Os primeiros observam os cardumes, e as embarcações vão em busca dos peixes, com redes de emalhar e de arrasto - as tainhas são espertas e não são fáceis de pescar com anzol.

O trabalho começa às 6h e vai até o pôr-do-sol, já que é raro as tainhas aparecerem à noite. Dos barcos, os peixes seguem frescos para os mercados - no Pântano do Sul, em Florianópolis, muitas vezes saem da rede direto para as panelas dos restaurantes da orla. Aliás, em termos gastronômicos, a tainha faz parte do cardápio desde o Império Romano!

>> Restaurante especializados em frutos do mar na Grande Florianópolis, na região de Joinville, no litoral catarinense e no Vale do Itajaí

Ficou com água na boca? Então veja duas receitas de tainha que o hagah conseguiu com Arante José Monteiro Filho, o Arantinho, do Bar do Arante, e com Vitor Gomes, chef do Box 32.