Consertos para fazer em casa nos finais de semana - Parte II


Publicado por hagah em 09/12/2011
Depois de aprender a a consertar a torneira que pinga e pinga, limpar a caixa de gordura, trocar o interruptor da luz ou a tomada, desentupir o vaso sanitário e fazer o rejunte nos azulejos, agora é hora de se aventurar em novos pequenos consertos e reparos de casa. E nada de deixar para depois. Com algumas instruções e um pouco de boa vontade você se livra destes probleminhas sem precisar da “ajuda dos universitários”. Vamos a eles:

Portas rangendo

Você chega em casa, destranca a grade e ouve aquele rangido agudo e irritante? A quando abre a porta ouve outro, só que mais grave que mais parece um lamento? A solução é muito mais fácil do que se imagina.

Com um spray desingripante - o popular Jimo Penetril, um pouco de óleo ou grafite em pó você consegue acabar com esse ruído desagradável. Para Cláudio Mibielli, da Ferragem Spinelli, o segredo é que as dobradiças estejam sempre muito bem lubrificadas, evitando o atrito do metal. O spray tem a vantagem de alcançar as ranhuras, partes mais difíceis de atingir. O ideal é que seja feita a manutenção a cada dois meses.

Para conservar as dobradiças, aí vão algumas dicas:

• Não se pendure ou encoste na porta mesmo se ela estiver fechada.
• Não bata as portas.
• Não feche a porta com os pés.
• Mantenha as portas fechadas o maior tempo possível, pois nesta posição não há esforço da mola sobre dobradiças.

» Veja a lista de ferragens de Florianópolis

Parquet solto

Quando uma peça do parquet se solta, geralmente, o problema não é apenas em uma peça e o mais indicado é fazer um tratamento em todo o piso, o chamado laqueamento. Cláudio conta que antigamente se usava verniz, mas hoje o laqueamento tem mais durabilidade e arranha menos.

Mas para recolocar algum parquet que esteja solto basta comprar um tubo de cole da madeira ou cola de contato. Com a espátula, remova a sujeira e os resíduos de cimento no local. Limpe bem a área de colagem, removendo todo o pó e sujeira que houver. Aplique a cola com uma trincha, um tipo de pincel para cola, e assente o taco. Aguarde secar e evite pisar no local por 48 horas.

Rachaduras ou furos nas paredes

Todo mundo já passou pela situação de tentar fazer um furo na parece e criar uma verdadeira cratera. Este e outros contratempos podem ser resolvidos sem muito trabalho. Para começar, cubra o chão com jornal ou plástico, pra não sujar tudo. Abra um pouco a rachadura, com uma chave de fenda, o suficiente para que a massa corrida possa entrar. Limpe o local, tanto se for rachadura quanto buraco, de preferência com um pincel seco para tirar bem a poeira.

Uma dica de Cláudio é usar sela trinca, da marca De-Tools ou outra de sua preferência. Alternativa um pouco mais barata é utilizar massa corrida ou gesso, que é mais em conta ainda. Mas, claro, gesso funciona somente como uma solução rápida, a curto prazo. 

» Veja a lista de lojas de materiais de construção em Florianópolis

O produto deve ser aplicado com uma espátula plástica empurrando um pouco a massa para dentro do buraco. Passe a espátula para alisar a superfície e deixe secar. Depois, retire o pó com um pano e pronto, é só pintar.

Para buracos maiores pode ser necessário utilizar argamassa. Mas hoje não é mais necessário fazer a mistura de cimento, areia e água. Existem várias marcas de argamassa pronta. Depois de aplicada, lixe e passe a massa corrida.

Troca de lâmpadas fluorescentes

Parece difícil, mas não é. Quando a lâmpada começa a piscar, é sinal de que ela está perdendo as suas propriedades e está na hora de trocar. Desligue o disjuntor antes de mais nada. As lâmpadas são encaixadas em dois plugues machos, um de cada lado.

O que precisa fazer é puxar na direção contrária à lâmpada para que ela desencaixe. Mas cuidado para não deixa ela cair. Depois, é só pegar a lâmpada nova, afastar levemente os plugues para que ela encaixe novamente. Alguns modelos antigos são de rosca e o processo é praticamente o mesmo, só que ao invés de pressão, ela deve ser rosqueada.

» Veja a lista de eletricistas em Florinópolis

Leia Mais:
» Veja mais dicas para fazer pequenos consertos em casa