Saiba tudo sobre climatização de ambientes


Publicado por hagah em 25/06/2014 , atualizado em 15/01/2015

Ultimamente, uma das maiores preocupações quando se vai comprar ou mesmo reformar uma casa ou apartamento é a climatização. Esse tem sido um requisito fundamental para a garantia do conforto na moradia. Por isso, a procura por ares-condicionados e outros aparelhos similares tem crescido cada vez mais.

Essa busca tem aumentado não só para residências, mas também para locais de trabalho, a fim de proporcionar um clima agradável aos funcionários. Porém, é importante saber a diferença entre eles e qual a melhor escolha para o seu ambiente. Confira alguns segredos da climatização e escolha a melhor opção.

Climatizador ou ar-condicionado: o que escolher?
É preciso ter cuidado para não confundir o ar-condicionado com o climatizador, pois esse é um erro muito comum. O ar-condicionado refrigera o ar, já o climatizador umidifica e, por isso, é ideal para quem mora em regiões com clima seco e para quem sofre com doenças respiratórias, como bronquite ou asma.

Embora não refrigere, o climatizador ameniza o calor também e é econômico no consumo de energia. Porém, se a função desejada é gelar o ambiente, a opção escolhida deve ser o ar-condicionado.

Como escolher o ar-condicionado ideal
Muitos detalhes devem ser levados em consideração na hora de comprar o ar-condicionado. O modelo mais usado é o split, mais fino, comprido e fixo na parede, é um modelo mais discreto e, por isso, não atrapalha na decoração do ambiente. Se o orçamento é curto, e não é possível instalar um aparelho em mais de um ambiente da casa, uma boa opção é um ar-condicionado portátil.

Para quem precisa um ar-condicionado para todas as estações, é necessário prestar atenção nas funções do aparelho, pois nem todos vêm com dupla função, de resfriar e aquecer. Cabe dizer ainda que, para o melhor funcionamento do equipamento e conforto de quem adquire, é necessário definir a potência necessária para cada ambiente, que é feita com o cálculo de BTU.

O cálculo de BTU
Se a sua escolha for o ar-condicionado de parede, é importante fazer o calculo de BTU para definir a potência. Esse cálculo é feito da seguinte forma: multiplica-se cada metro quadrado por 600 BTU; depois, é necessário somar 600 BTU por cada pessoa adicional, sem contar a primeira pessoa. Para finalizar, cada equipamento eletrônico do local acrescenta 600 BTU cada. Depois de feito o cálculo, é só procurar a potência compatível.

Lembre-se que a escolha não pode ser feita por um aparelho que tenha potência menor do que a do resultado calculado, pois isso pode causar problemas ao aparelho, além de demorar mais a resfriar o ambiente e, consequentemente, aumentar o consumo de energia. Não se esqueça de consultar um profissional antes da compra e lembre-se que a instalação do aparelho deve ser feita por um especialista.

Antes da compra, tire todas as dúvidas em relação ao aparelho. Vale ressaltar que a manutenção e a limpeza são essenciais para evitar fungos e bactérias. Fazendo tudo isso, é possível desfrutar o conforto de um clima agradável sem qualquer problema.