Tire suas dúvidas sobre clareamento dental


Publicado por hagah em 11/05/2012 , atualizado em 30/01/2015

O clareamento dental se tornou popular nos últimos anos devido à praticidade e à eficácia no resultado. O tratamento tem sido cada vez mais procurado por aqueles que possuem alguma mancha ou que sentem incômodo pelo aspecto amarelado dos dentes. Porém, há quem ainda tenha receio de experimentar a técnica por medo ou falta de informação. Segundo a cirurgiã-dentista Gisele de Bortoli Rauli, o método é seguro e pode ser realizado na maioria dos casos.

De acordo com a dentista as contraindicações ao tratamento são para as mulheres grávidas ou que estão no período de amamentação, para crianças e jovens menores de 14 anos de idades. “Muitas pessoas ainda acreditam que o clareamento pode provocar o aparecimento de alguma doença como o câncer. Mas isso é um mito, tanto que o tratamento e os produtos utilizados são testados e autorizados pelas agências reguladoras”, esclarece.

O tratamento é recomendado em várias situações como no caso do envelhecimento natural dos dentes e defeitos no esmalte por fatores congênitos. “Além disso, são comuns os casos de pacientes que possuem manchas causadas por substâncias externas como o uso frequente de café, vinho, refrigerantes a base de cola, tabaco e outros. Em todos esses casos o tratamento é eficaz”, afirma Gisele.

O clareamento pode ser realizado de duas maneiras: no consultório, com a aplicação de laser, ou em casa, com o uso de moldeira. Segundo Gisele o método realizado no consultório é uma alternativa para aqueles que precisam de um resultado mais rápido. “Nesse caso o paciente vai precisar fazer de duas a três sessões para ter o efeito esperado. Já no clareamento feito em casa o tratamento pode durar de sete a 21 dias, dependendo do caso”, avalia.

A dentista explica que, mesmo o tratamento sendo realizado em casa, deve ser acompanhado por um especialista capacitado, pois a moldeira será confeccionada a partir do formato da boca do paciente para cobrir somente a superfície dental, evitando o contato com a gengiva e possíveis irritações. “Na moldeira aplicamos um gel clareador que deverá ser utilizado por quatro horas diárias, geralmente à noite, para não interferir na rotina pessoal. Porém, existem alguns incômodos no processo caseiro como a eventual deglutição do produto e a sensação de gosto ruim na boca”, esclarece.

O resultado geralmente dura de um a dois anos e, se o paciente achar necessário, pode fazer uma manutenção para retirar alguma mancha ou deixar o dente com aspecto mais branco novamente. “A durabilidade do tratamento também vai depender dos hábitos do paciente como não fumar e evitar o consumo de alimentos que possuem corantes”, finaliza.

Fonte: Talk Assessoria de Comunicação